sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

TANTO MAR (1ª VERSÃO)


PHILIPS - 6069.144 - edição portuguesa (1975)

Tanto Mar  (Chico Buarque) - Gota D'Água (Chico Buarque) - Bem Querer (Chico Buarque)

Sei que estás em festa, pá
Fico contente
E enquanto estou ausente
Guarda um cravo para mim

Eu queria estar na festa, pá
Com a tua gente
E colher pessoalmente
Uma flor to teu jardim

Sei que há léguas a nos separar
Tanto mar, tanto mar
Sei também quanto é preciso, pá
Navegar, navegar

Lá faz Primavera, pá
Cá estou doente
Manda urgentemente
Algum cheirinho de alecrim

Letra original, vetada pela censura brasileira, gravação editada apenas em Portugal, em 1975.

A 2ª versão, de 1978, reza assim:

Foi bonita a festa, pá
Fiquei contente
E inda guardo, renitente
Um velho cravo para mim

Já murcharam tua festa, pá
Mas certamente
Esqueceram uma semente
Nalgum canto do jardim

Sei que há léguas a nos separar
Tanto mar, tanto mar
Sei também quanto é preciso, pá
Navegar, navegar

Canta a Primavera, pá
Cá estou carente
Manda novamente
Algum cheirinho de alecrim

4 comentários:

Jessy G. disse...

"Tanto mAr" já merecia etiqueta.

Unknown disse...

Cara sério, essa versão de tanto mar é a cantada correto? a do LP de chico e bethânia ao vivo né? tem como você me passar o audio? sou do brasil e aqui esta em instrumental e me falaram q o mesmo disco em portugal tem ela cantada :/

ié-ié disse...

Esta versão é ao vivo! A do LP é instrumental!

Mande-me um email para lhe passar a canção cantada.

LT

filhote disse...

Grande canção!